Pular para conteudo principal

Notícias

Assembleia concede cidadania paraibana ao procurador Carlos Francisco B. da Rocha Bandeira Lins

Publicado em 23 de novembro de 2018 às 9:41

221118 - Tìtulo de Cid. PB. a Carlos Lins - ©nyll pereira - 11A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) concedeu, nesta quinta-feira (22), o Título de Cidadania Paraibana ao procurador de Justiça Carlos Francisco B. da Rocha Bandeira Lins. A propositura foi de autoria do deputado estadual João Gonçalves.

O chefe do Poder Legislativo, deputado Gervásio Maia, que presidiu a solenidade, afirmou que a outorga de Cidadania Paraibana ao procurador Carlos Francisco Lins é justa e motivo de muita alegria e satisfação. “Além de seus laços de sangue e de sua história, doutor Carlos Francisco realizou um trabalho de mais de duas décadas de muito estudo, que culminaram com o lançamento de uma das obras mais completas do gênero literário que é o ‘Gente do Taipú’. Estamos muito felizes com esse momento, já que agora doutor Carlos tornou-se paraibano, filho da nossa terra”, afirmou o presidente da Assembleia Gervásio Maia.

O deputado estadual João Gonçalves, autor da proposta, disse o Título de Cidadão Paraibano é concedido àqueles que, mesmo não nascendo na Paraíba, contribuíram com o desenvolvimento do estado. Segundo João, o procurador Carlos Francisco, nascido em São Paulo, mas filho de paraibano, em respeito as suas origens sempre disse ser filho da Paraíba. “Ele é um paraibano. É um homem de uma estirpe jurídica, é fiscal da lei, procurador de justiça com raízes na Paraíba. O principal de tudo isso é o amor que ele sente quando se fala na Paraíba e defende este estado através de suas obras literárias”, declarou João.

O parlamentar acrescentou ainda que a obra elaborada por Carlos Francisco Lins está presente nos principais recantos do país, desta forma, nada mais justo que a Assembleia lhe conceda a sua Cidadania Paraibana. “Produziu uma obra enciclopédica como nenhuma outra no país. Seu livro ‘Gente do Taipú’ é um legado para a nossa história e para as próximas gerações, que será imprescindível para que estas conheçam a história da colonização do Nordeste”, declarou João.

221118 - Tìtulo de Cid. PB. a Carlos Lins - ©nyll pereira - 14O homenageado, Carlos Francisco B. da Rocha Bandeira Lins, filho de pai e avós paraibanos, nasceu em São Paulo, onde fez faculdade de Direito. Através de concurso, ingressou no Ministério Público de São Paulo, onde permaneceu por mais de 30 anos. Para ele, o Título de Cidadania Paraibana é motivo de muito orgulho. “Meu pai me deu uma formação como se eu fosse paraibano, isso fez de mim um paraibano completo. Estou muito honrado e muito emocionado. Era só o que faltava pra ser oficialmente um paraibano”, explicou o procurador.

A solenidade foi realizada no Plenário Deputado José Mariz e contou com a presença do historiador, jornalista e escritor, José Otávio, do presidente da Academia Paraibana de Letras e a da Fundação Casa de José Américo, Damião Ramos Cavalcante, assim como parentes e amigos do homenageado.