Pular para conteudo principal

Notícias

Assembleia recebe demandas de produtores rurais paraibanos em sessão especial

Publicado em 19 de setembro de 2019 às 15:45

WhatsApp Image 2019-09-19 at 15.12.40A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) recebeu, durante sessão especial realizada nesta quinta-feira (19), demandas de interesse de produtores rurais das mais variadas regiões da Paraíba. O evento aconteceu no Parque de Exposições Henrique Vieira de Melo, no bairro do Cristo, em João Pessoa, e foi proposto pelo presidente da Casa, Adriano Galdino e pelos deputados Manoel Ludgério e Raniery Paulino.

Na Sessão Especial realizada durante a Feira Paraibana de Agronegócios, o Poder Legislativo ouviu de produtores rurais paraibanos e de representantes de diversos setores da agropecuária reivindicações e demandas com foco no fortalecimento e melhoria do segmento. O deputado Manoel Ludgério, que presidiu a sessão, disse que o objetivo da ALPB ao estar presente na 52a Feira de Agropecuária é, além de comemorar, escutar os produtores e, desta forma, extrair sugestões que se tornem projetos de lei e que possam enriquecer um setor de extrema importância na geração de emprego e renda na Paraíba. “A Assembleia se incorpora à Federação da Agricultura e a todos os produtores da pecuária da nossa Paraíba. Viemos interagir e trocar ideias com aqueles que formam a classe produtora da Paraíba”, observou Ludgério. Na oportunidade, o deputado parabenizou o presidente Adriano Galdino que, segundo ele, fez questão que a sessão acontecesse no Parque de Exposições como uma forma de colocar o Poder Legislativo próximo aos paraibanos. “Não é apenas uma sessão, é uma discussão com os pecuaristas, sobre uma atividade que promove oportunidades de trabalho e faz com que o semiárido paraibano seja conhecido por suas potencialidades, como o melhoramento genético e a produção do mel, do leite, do queijo, da rapadura e de tudo o que envolve a pecuária paraibana”, explicou.

Presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Semiárido, a deputada Pollyanna Dutra defendeu que a Paraíba sempre teve o agronegócio como um dos principais itens que compõem o Produto Interno Bruto (PIB). Segundo ela, a Assembleia precisa estar focada no fortalecimento do setor. “A Paraíba não pode ficar limitada aos serviços prestados na entidade pública. A gente precisa dessa independência e mostrar o nosso potencial. A Paraíba tem arranjos produtivos em várias regiões e isso é importante mostrar”, declarouWhatsApp Image 2019-09-19 at 15.22.00 Pollyanna.

“A Paraíba tem na base da sua economia a atividade agropecuária”, pontuou o deputado Bosco Carneiro. O parlamentar acrescentou que é extremamente importante que os deputados estejam próximos aos produtores, ouvindo suas reivindicações. “A demanda do setor produtivo é muito relevante porque se trata de um setor forte e que gera emprego e renda”, analisou Bosco.

O deputado Júnior Araújo afirmou que além de se tratar de uma sessão histórica para a Casa de Epitácio Pessoa, o evento resultará em importantes encaminhamentos para o fortalecimento do agronegócio paraibano. “Ouvimos os anseios e os reclames dos produtores e agora devemos desenvolver e transformar em adaptações ao dia a dia desses produtores que têm uma importancia muito grande dentro da nossa economia estadual”, declarou o deputado.

O secretário de Estado da Agricultura e Pesca, Efraim Moraes, disse estar grato por, através da Assembleia, ter a oportunidade de apresentar aos produtores rurais ações desenvolvidas pelo Governo do Estado em prol do agronegócio. “O Estado têm dado uma atenção especial à revitalização dos parques de exposições na Paraíba. “Em Campina Grande, fizemos uma grande feira para o agronegócio, para o pequeno, médio e grande produtor. O Governo investiu no agronegócio de Campina Grande e de João Pessoa aproximadamente R$ 1 milhão para que os produtores fizessem exposições”, revelou o secretário.

WhatsApp Image 2019-09-19 at 15.22.46O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (Faepa), Mário Borba, parabenizou a Assembleia por, pela primeira vez, realizar uma sessão especial em uma das mais importantes feiras do agronegócio da Paraíba. “Precisamos apresentar propostas concretas aos parlamentares. Trouxemos sugestões e proposições com o objetivo de que a Casa tome conhecimento daquilo que preocupa o setor”. Mário Borba argumentou sobre a necessidade de estabelecer um diálogo mais amplo a respeito do Código do Bem-estar Animal e por um novo modelo de administração dos Parques de Exposições paraibanos. “Todos os parques de exposições agropecuários do país são administrados pelas entidades de classes, que realizam eventos a cada mês, além de outras exposições. Reivindicamos também a normalização da transposição e que isso possa fortalecer a agropecuária do estado”, defendeu Borba.

Para o superintendente do Sistema OCB-PB (Organização das Cooperativas Brasileiras no Estado da Paraíba), Pedro D’Albuqurque, é preciso que a Assembleia atue em favor da implantaçao e da WhatsApp Image 2019-09-19 at 15.23.48regulamentação das cooperativas que atuam no agronegócio em todo o país. “Apresentamos à Assembleia pleitos importantes para o crescimento do cooperativismo, entre os quais está a regulamentação do cooperativismo no estado. É uma lei que envolve não só o agro, mas todas as cooperativas e deve regulamentar melhor aqui no estado. É importante que toda cooperativa que possa participar de uma chamada pública possa estar regulamentada dentro da lei “, avaliou Pedro.

Também presentes na sessão especial, os deputados Anderson Monteiro, Cabo Gilberto, Eduardo Carneiro, Taciano Diniz e Wallber Virgolino avaliaram que a Assembleia vive um momento histórico, tanto no que diz respeito a sua produção, quanto a busca por uma maior aproximação com a população e dos segmentos produtivos, desta forma, é impossível o parlamento tratar da geração de emprego e renda e do desenvolvimento socioeconômico do semiárido sem estar aberto ao diálogo com representantes do agronegócio paraibano.

Também participaram da solenidade o deputado federal Efraim Filho, o diretor-técnico da Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba, Raimundo Nonato Siqueira; o diretor de Administração e Finanças do Sebrae, Neto Franca; o presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado da Paraíba (Fetag-PB), Liberalino Ferreira, além de representantes do Banco do Nordeste e dos produtores rurais paraibanos.