Com projeto de metodologias ativas na educação política, Escola do Legislativo da Paraíba vence ‘Prêmio ABEL 2017’

Um ambiente tranquilo e favorável onde o professor é apenas mediador e os estudantes se tornam o centro do processo de ensino e aprendizagem. Este é o cenário implantado na Escola do Legislativo da Paraíba – ELEGIS – PB que em 2018, comemora seus 15 anos de criação e para fortalecer sua marca desenvolveu um projeto didático pedagógico de Comunicação Política e Legislativa amparado pelas metodologias ativas.

A proposta trazida pelo curso e apresentada aos estudantes que na sua grande maioria eram servidores da Assembleia Legislativa da Paraíba, assessores, jornalistas, publicitários, advogados e agentes políticos, tinha como objetivo unir a prática pedagógica com as experiências do cotidiano e promovendo assim, uma construção dialógica do saber reconfigurando o método de ensino e aprendizagem na ELEGIS-PB.

O protagonismo dos estudantes alinhado às metodologias implantadas pelo professor Rodolpho Raphael, fizeram com que a instituição concorresse com o projeto “Metodologias ativas como reconfiguração da educação legislativa: A experiência do curso de comunicação política na ELEGIS-PB’ o que conquistou a III edição do ‘Prêmio ABEL’ da Associação Brasileira de Escolas do Legislativo e de Contas na categoria ‘Educação Legislativa’.  A premiação aconteceu em Goiânia – GO na manhã desta sexta-feira, (10), durante o XXX Encontro da Associação que fecha as atividades da entidade para este ano.

Para a diretora da ELEGIS-PB, Maria Helena Toscano, receber pela primeira vez o Prêmio ABEL, é o princípio de um reconhecimento nacional para com um trabalho que exige muito esforço, amor e dedicação. “Estou muito emocionada pelo fato deste prêmio ter um significado muito especial para mim, afinal, são quase 15 anos voltados à educação legislativa e a capacitação profissional do servidor. Muitas coisas aconteceram, muitas dificuldades foram enfrentadas e essa premiação veio coroar um trabalho que toda equipe tem desenvolvido”, ponderou.

Maria Helena destacou ainda o apoio do presidente Gervásio Maia para execução do trabalho da escola. “Saber que a gente trabalha para uma instituição onde os dirigentes se importam em oferecer qualificação aos seus funcionários é gratificante. Só tenho a agradecer ao presidente Gervásio Maia”, disse.

Para o professor Rodolpho Raphael, a inserção das novas práticas pedagógicas que serviram de projeto piloto para a ELEGIS-PB e agora para outras instituições legislativas, foi um dos maiores desafios numa sala de aula composta por alunos com formações diferenciadas.  “Aproveitamos a situação e a enxergamos como oportunidade, e esta construção dialógica entre áreas diferentes tornou-se o fator preponderante para construção deste curso, não apenas como reconfiguração do método de ensino e aprendizagem, mas, como o legado deixado na vida dos estudantes e na promoção da excelência do serviço público que dá vida e torna-se cerne das Escolas do Legislativo”, explicou.

O professor falou ainda que o modelo adotado teve como centralidade do processo, a promoção da autonomia ao estudante, fazendo com que, ele pudesse trilhar e guiar o seu caminho rumo à aprendizagem que ele desejasse, seja na perspectiva teórica, prática e/ou discursiva possibilitando a compreensão dos conceitos de comunicação política, comunicação eleitoral e legislativa.

 

Comunicação Política como fonte de cidadania

No cenário político brasileiro, em especial no Estado da Paraíba, a utilização da comunicação política também tem crescido significativamente nas últimas décadas em virtude da sua aplicação no campo legislativo.

A realização deste curso pela ELEGIS PB, que teve início no mês de agosto e faz parte de um mix de três cursos que serão oferecidos pela instituição, promoveu uma associação entre a comunicação política e o marketing levando assim, capacitação aos estudantes e fomentando a multiplicidade de informações para com o cidadão em suas diversas multiplataformas tentando orientar e direcionar as ideias relacionadas à democracia e cidadania.

Ao final do curso, em forma de jogo, os alunos foram desafiados a construir um plano de comunicação elaborado através de forma contínua e desenvolvida em subgrupos. Estes por sua vez, deveriam assumir a assessoria de comunicação para um político ou agente público que resultou em um plano de ações que deveria ser apresentado na culminância do projeto denominado “Seminários Legislativos”.

“Tal método foi aprovado pelos estudantes e foi um fator decisivo para evitar a evasão em grande demanda, problema muito conhecido nas inúmeras escolas do legislativo espalhadas pelo país. Ao mesmo tempo, possibilitou que estes estudantes, ao desenvolverem seus trabalhos finais, pudessem em seus locais de trabalho e na sua profissão, utilizar as técnicas e ferramentas apresentadas durante o processo de reconfiguração do ensino e ressignificação da sala de aula, onde o conhecimento, o debate, a curiosidade, o questionamento, a dúvida, a proposição e a assunção de posição resultam, sem dúvida, em protagonismo e em desenvolvimento da autonomia tendo como reflexo, uma progressão na busca pela excelência do serviço público”, Avaliou o professor.

 

O Prêmio ABEL 2017

O Prêmio ABEL que está em sua terceira edição, é concedido no Encontro anual da ABEL, e visa incentivar a inovação, dar visibilidade e reconhecer publicamente as ações que mais se destacam entre as Escolas do Legislativo e de Contas no Brasil. Este ano, o prêmio trouxe três modalidades, Educação Legislativa (formação e qualificação de agentes públicos); Portal (plataforma institucional online de dados e informações públicas); Comunidade (projetos educacionais voltados ao público externo)

 

 

 

Estão abertas inscrições para o I Fórum de Educação Legislativa – FELEGIS

Evento debaterá a democracia em rede, usos das tecnologias da informação, participação popular, interatividade e o seu protagonismo no poder legislativo

A Escola do Legislativo da Paraíba (ELEGIS PB) em parceria com a Escola Legislativa da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) abrem as inscrições para a primeira edição do ‘Fórum de Educação Legislativa’ (FELEGIS), que acontece de 5 a 7 de dezembro e tem como tema ‘Ciberdemocracia: desafios e novas possibilidades no legislativo’.

O evento pretende oferecer debates orientados pelas reflexões de especialistas e profissionais de referência regional e nacional com diferentes perspectivas sobre o desenvolvimento da ciberdemocracia no âmbito legislativo, a relação entre a comunicação e política e como a comunicação tem ganhado espaço nos estudos contemporâneos.

A diretora da Escola do Legislativo, Maria Helena Toscano, explicou que a realização do Fórum abre o ano jubilar das comemorações dos 15 anos de existência da Escola do Legislativo da Paraíba e que é aberto não só para servidores, políticos ou assessores, mas também para estudantes de graduação e pós-graduação, profissionais das áreas de Comunicação Social, Marketing e professores das ciências humanas e áreas afins.

 De acordo com o professor e coordenador científico do I FELEGIS, Rodolpho Raphael, ao abrir uma discussão sobre democracia, internet e educação legislativa tendo seu aporte amparado no Poder Legislativo, será possível apresentar a democracia como propagador da participação política, que, se torna essencial para mantê-la viva onde a cultura política possa potencializá-la a partir dos efeitos que a sociedade contemporânea vive enquanto ciberdemocracia.

Ainda segundo o professor, até o dia 27 de novembro o evento estará recebendo submissões de resumos de até 500 palavras, para apresentação tendo em vista que um dos objetivos do FELEGIS é fomentar a participação acadêmica com produções e pesquisas científicas nas linhas de comunicação política e legislativa, estudos legislativos, democracia contemporânea e poder legislativo. Após as apresentações, os pesquisadores terão até o dia 20 de janeiro para o envio do artigo científico completo que será transformado em capítulo de livro e publicado em 2018.

As inscrições acontecem até o dia 27 de novembro através do site www.felegis.com.br e para quem pretende submeter seus trabalhos, devem enviar em Word através do e-mail felegispb@gmail.com. As inscrições são gratuitas e a programação completa do evento será divulgada até a próxima quarta-feira (25) pelo site e pelas redes sociais da Escola do Legislativo (@ELEGISPB). 

ASCOM ELEGIS

Escola do Legislativo da Paraíba lança informativo mensal “Elegis em Foco”

Com muita alegria lançamos a primeira edição do #ELEGISEMFOCO, informativo da Escola do Legislativo da Paraíba que tem como objetivo estreitar o relacionamento entre servidores e parlamentares da Assembleia Legislativa PB com a nossa instituição.

A proposta do boletim é se tornar um canal de comunicação
colaborativo e orgânico, promovendo uma comunicação democrática e evidenciado os serviços prestados pela Escola do Legislativo à sociedade paraibana. .

A divulgação será mensal por meio de mailling e estará disponível também na versão digital para download. Confira agora:

Informativo ELEGIS PB Edição 1

Resultado Final – Nivelamento

Espanhol 3 (Segunda 14h às 16)

• Simone Elizabeth

• Arllyn Luandren Farias de Melo

• Priscila Batista Araújo

• Italo Cardoso Medeiros de Souza

• Lucia maria gomes da silva

• Luis Henrique augusto de lima

 

Espanhol 2 (Segunda 16h às 18)

• Luciene Lourenço da Silva

• Debora Alves

• Antônio Felix da Silva Junior

• Janine Coelho da cunha Pereira

• Vinicius Freire Cabral Bento

 

Inglês 3  (Quarta 14-16)

• Arllyn Luandren Farias de Melo

• Marina Delgado de Vasconcelos

• Maria Leonora da Silva

• Antônio Felix da Silva Junior

• Taysa Rebeca de O. Silva

• Edilene Cristina n. Costa

• Debora Pereira de Sousa Soares

• Elayze Carolline Barros de Lima

 

Escola do Legislativo recebe visita de renomado jurista paraibano

A Escola do Legislativo da Paraíba – ELEGIS-PB, recebeu na última terça-feira, dia 22 de agosto, a visita do jurista, jornalista, professor universitário e apresentador de televisão, Ricardo Sérvulo que foi recebido pela Gestora da instituição, Maria Helena Toscano e na oportunidade, iniciou um diálogo para realização de parcerias entre a Escola do Legislativo e instituições públicas e privadas de ensino superior de forma pactuada.

Sérvulo, que é está em fase de conclusão do doutoramento em Ciências Sociais e Direito pela Universidad Del Museo Social Argentino (UMSA), avaliou como positiva a reunião e elogiou as instalações e cursos oferecidos pela Escola.  “Ter uma escola nesse padrão e com cursos de qualidade oferecidos aos servidores e a população, é fomentar a cidadania e parabenizo a Assembleia Legislativa e especial a professora Maria Helena pelo compromisso acadêmico e pedagógico, por essa rápida visita pudemos constatar essa realidade, ponderou.

A Escola do Legislativo foi criada em 2003 com o Decreto Lei de nº  7.125 de julho de 2002. Semestralmente, a ELEGIS PB atende em média 400 alunos entre servidores da Casa de Epitácio Pessoa e público dos mais diversos segmentos.

ASCOM/ ELEGISPB


Servidores, profissionais e estudantes participam de abertura do curso em Comunicação Política e Legislativa

Promovido pela Escola do Legislativo da Paraíba – ELEGIS PB, teve início nesta segunda-feira, 21 de agosto, o Curso de Extensão em Comunicação Política e Legislativa, que tem como intuito a qualificação dos servidores e profissionais neste segmento.

Ministrado pelo professor Rodopho Raphael, a extensão tem carga horária de 40 horas/aula e versa entre conteúdos que permeiam os conceitos de marketing, teoria política, visões contemporâneas da relação entre mídia, poder e como eles afetam a opinião pública na construção de um novo modelo nas transformações do campo comunicacional político, que possuem relação com a crescente centralidade da mídia nas sociedades contemporâneas.

De acordo com Rodolpho Raphael, ao final, o aluno conhecerá e estará apto a executar as melhores práticas que podem ser utilizadas durante o dia-a-dia, bem como desenvolver competências para aplicar os conceitos em ações que possam posicionar adequadamente o político ou assessorado nos meios de comunicação, sejam eles TV, rádio ou internet, aumentando e estabelecendo um canal de comunicação com os segmentos de seu interesse”

O curso que acontece nas segundas e sextas das 09 às 11h30 e se estende até o final de outubro, faz parte do Programa de Formação Continuada para o Desenvolvimento Profissional de Servidores da Assembleia Legislativa da Paraíba. Criado em 2016, já passaram pelo programa 300 pessoas e atualmente conta com 425 que se dividem nos cursos de língua francesa, espanhola e inglesa, Gestão de RH, Gestão do atendimento ao Público e Informática.

Ascom/ELEGISPB

Escola do Legislativo promove testes de nivelamento para cursos de língua estrangeira

A Escola do Legislativo “Félix de Sousa Araújo” está promovendo, durante esta semana, um teste de nivelamento para os novos alunos querem ingressar nos cursos de Língua Estrangeira (Inglês, Francês e Espanhol) ofertados pela instituição aos servidores (e seus dependentes) da Assembleia Legislativa do Estado da Paraíba e pessoas da comunidade em geral. Os cursos são gratuitos.

Na segunda-feira (14/08) foram iniciados os testes para Francês e Espanhol, ministrados pelas professoras Jéssica Holanda e Wanessa Dinoá, respectivamente. Os testes para os alunos interessados em Inglês começam nesta terça-feira (15/08), com as professoras Maria Helena Toscano e Daize Lellys, e Francês, com a professora Jessica Holanda.

Os interessados devem se encaminhar à secretaria da Escola do Legislativo, localizada à avenida desembargador Souto Maior, nº 77, Centro de João Pessoa (PB), munidos de documentos pessoais e uma foto 3 x 4. Um vez aprovados, já poderão assistir à próxima aula do idioma escolhido.

A ElegisPB decidiu promover o nivelamento, de acordo com a diretora geral Maria Helena Toscano, “para oportunizar às pessoas que já tiveram algum conhecimento da língua e desejavam continuar sua formação, inserindo-os num contexto adequado ao nível de conhecimento que possuíam. Assim sendo, o desenvolvimento e o crescimento intelectual na aprendizagem acontece de forma natural, simples e harmônica”.

Neste semestre, a Escola do Legislativo abriu inscrições para turmas iniciantes de Inglês e Francês e promoveu um alinhamento entre os alunos do curso de Espanhol II e III, formando duas turmas muito mais homogenias e facilitando o aprendizado de forma linear e equilibrada.

Escola do Legislativo realiza “Festa do Arraiá” e homenageia a Primeira Dama Manuela Maia

A Escola do Legislativo “Félix de Sousa Araújo” promoveu nesta segunda-feira (19/06) a sua confraternização de encerramento do primeiro semestre letivo. A ”Festa do Arraiá” contou com a presença de diretores e servidores da ElegisPB e foi prestigiada pela primeira dama do Poder Legislativo, Manuela Maia, esposa do deputado Gervásio Maia Filho (PSB) e presidente da Associação Promocional do Poder Legislativo (APPL), que estava acompanhada pelas senhoras Tatiana Aquiaria, esposa do deputado Genival Matias (Avante); e Shirlene Gadelha, esposa do deputado Hervázio Bezerra (PSB); além da assessora parlamentar Micheline Carvalho, da APPL.

O evento também foi marcado pela homenagem dos diretores e servidores da Escola do Legislativo a Dona Manuela, por ocasião da passagem do seu aniversário, no domingo (18/06). Coincidentemente a comemoração acabou sendo conjunta, uma vez que a senhora Tatiana Aquiaria também estava comemorando o seu aniversário, nesta segunda-feira (19/06).

CONFIRA ALGUMAS FOTOS DO EVENTO:

Maria Helena é reeleita para a Secretaria Geral da ABEL para o biênio 2017/2019

A professora Maria Helena Toscano Moura de Caldas Barros (na foto), Diretora Geral da Escola do Legislativo da Paraíba, foi reeleita, nesta quarta-feira (07/06), para o cargo de Secretária Geral da Associação Brasileira das Escolas do Legislativo e de Contas (ABEL), durante o XXIX Encontro da entidade, realizado em Foz do Iguaçu (PR).

Maria Helena é reconduzida como dirigente nacional da ABEL desde 2003 (ano da fundação da associação), tendo ocupado a Diretoria Regional do Nordeste por quatro mandatos consecutivos, a Secretaria Geral por dois mandatos e um mandato como Vice-Presidente. A Paraíba, portanto, sempre esteve representada na diretoria da ABEL.

A executiva paraibana está à frente da Escola do Legislativo “Félix de Sousa Araújo”, da Assembleia Legislativa do Estado da Paraíba, desde sua instalação, no dia 29 de agosto de 2003, na gestão do presidente Rômulo José de Gouveia.

A ElegisPB foi criada pela Decreto Lei nº 7.125, de 03 de janeiro de 2002, subscrito pela Mesa Diretora, presidida pelo então deputado Gervásio Maia, pai do atual presidente da “Casa de Epitácio Pessoa”, Gervásio Maia filho (PSB).

Maria Helena volta a João Pessoa nesta quinta-feira (08/06) para retomar suas atividades à frente da ElegisPB, oportunidade em que será recepcionada, como muita alegria, pelo quadro de servidores da instituição que presta relevantes serviços ao Poder Legislativo Estadual e à população paraibana.