Pular para conteudo principal

Notícias

Em Fortaleza – Gervásio cobra participação da Governo Federal na segurança pública

Publicado em 8 de junho de 2018 às 8:30

WhatsApp Image 2018-06-08 at 00.21.17O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), deputado Gervásio Maia, participa, nesta terça-feira (5), em Fortaleza, da abertura do Fórum Internacional de Segurança Pública. Na ocasião, o chefe do Legislativo paraibano defendeu maior participação do Governo Federal na segurança pública de estados e municípios. O evento, realizado pela Assembleia Legislativa do Ceará (ALCE), acontece até sexta-feira (8).

Gervásio ressaltou a dificuldade de os estados têm para enfrentar os problemas na área, já que grande parte da arrecadação fica com o Governo Federal. “Não é fácil para os estados bancarem todo o gerenciamento praticamente sozinhos, já que o grande bolo da arrecadação fica com a União, vindo muito pouco para os estados, e uma verdadeira esmola para os municípios”, afirmou.

O presidente da Casa de Epitácio Pessoa sugeriu, ainda, que sejam dados alguns encaminhamentos ao Congresso Nacional após o encontro. “É muito importante que possamos unir as Assembleias do Nordeste e cobrar dos nossos deputados e senadores para que o Governo Federal assuma, de frente, a responsabilidade pela segurança pública. É urgente pensar na Segurança como política publica integrada, é um problema nacional”, afirmou, ressaltando os investimentos realizados pelo Governo da Paraíba e os resultados.

“A criação do Programa Paraíba Unida Pela Paz, política pública que contou participação direta do governador Ricardo Coutinho e das forças de segurança, fez com que o Estado reduzisse a criminalidade. De acordo com estudo do IPEA divulgado hoje, a Paraíba possui a segunda menor taxa de homicídios do Nordeste. O estado, que ocupava a 3º posição entre os mais violentos do Brasil, hoje se encontra na 18º posição”, destacou Gervásio Maia.

O evento – O Fórum Internacional de Segurança Pública será realizado até sexta-feira, e vai contar com conferências, palestras e mesas-redondas. Participam do evento deputados, senadores, governadores, vereadores, prefeitos e integrantes do Poder Judiciário.

O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado Zezinho Albuquerque, explicou que o objetivo do evento é discutir alternativas à sociedade brasileira para os problemas na área de segurança pública.